JÁ TEM O SEU YELLOW CARD?

SIGA-NOS

ENTREGAS GRÁTIS PARA PORTUGAL CONTINENTAL PARA COMPRAS ACIMA DE 30€ (COMPRAS ATÉ 5KG)

Hepatites: tipos e estratégias de prevenção

A prevenção das hepatites é uma preocupação global de saúde pública, tendo em conta o impacto significativo que estas doenças causam na vida das pessoas. Neste artigo vamos perceber o que é a hepatite e quais os diferentes tipos que existem, assim como os seus modos de transmissão, sintomas e estratégias para as prevenir.

Segundo a Organização Mundial de Saúde (OMS), 3500 pessoas morrem diariamente vítimas de hepatite. Além disso, mais de 6000 pessoas são infetadas com hepatite viral todos os dias. A erradicação da hepatite é um dos objetivos da Agenda 2030.

Sabia que o Dia Mundial da Hepatite se celebra a 28 de Julho, data que corresponde ao nascimento do cientista Baruch Blumberg, que desenvolveu o teste de diagnóstico e a vacina para o vírus da hepatite B?

O que é a hepatite?

A hepatite é uma inflamação do fígado. O fígado é um órgão vital responsável por diversas funções, como a remoção de toxinas do sangue, a produção da bílis para digestão e o armazenamento de nutrientes.

A inflamação do fígado pode ser causada por diversos fatores, sendo as infeções virais as causas mais comuns. Existem seis tipos principais de hepatite viral: A,B,C,D, E e G, cada um causado por um vírus diferente.

Além de hepatites virais, a inflamação do fígado também pode ser causada pelo consumo excessivo de álcool, algumas toxinas, medicamentos ou doenças autoimunes.

Hepatite A

O que é a Hepatite A?

A hepatite A é uma infeção viral altamente contagiosa. De um modo geral, surge na infância ou nos jovens adultos. Cura-se ao fim de três a cinco semanas e não evolui para doença crónica.

Como é transmitida a Hepatite A?

O vírus da Hepatite A (HAV) é transmitido principalmente através da via fecal-oral, ou seja, a ingestão de alimentos ou água contaminados com o vírus.

O vírus também pode ser transmitido por contacto pessoa-a-pessoa, nomeadamente através do contacto sexual.

Quais os sintomas e formas de tratamento da Hepatite A?

Inicialmente, os sintomas da Hepatite A assemelham-se a uma gripe: fadiga, febre, dores musculares e mal-estar geral. Depois, surge icterícia, falta de apetite e vómitos. Não há um medicamento específico e o tratamento passa pelo repouso e por uma dieta rica em proteínas e baixa em gorduras. No entanto, a prevenção poderá ser realização através da

vacinação, que não está incluída no Programa Nacional de Vacinação.

Hepatite B

O que é a Hepatite B?

A hepatite B é uma infeção viral que se pode tornar crónica, levando a complicações graves como cirrose ou cancro do fígado. É uma das formas mais comuns de hepatite viral em todo o mundo, afetando milhões de pessoas, ainda que seja evitável pela vacinação. A vacinação tem uma eficácia de cerca de 95%. Esta é administrada em três doses e está incluída no Programa Nacional de Vacinação.

 

Como é transmitida a Hepatite B?

O vírus da Hepatite B (HBV) é transmitido através do contacto com sangue e outros fluidos corporais infetados. As formas comuns de transmissão incluem a partilha de agulhas ou seringas, contacto sexual e de mãe para filho durante o parto.

Quais os sintomas e formas de tratamento da Hepatite B?

Os sintomas da Hepatite B podem variar de leves a graves e incluir febre, fadiga, perda de apetite, náuseas, vómitos, dor abdominal, urina escura, fezes claras e icterícia. Nas formas agudas, o tratamento passa pelo repouso. Nas formas crónicas, recorre-se a medicamentos para reduzir o risco de complicações.

Nos casos mais graves, principalmente em pessoas com o sistema imunitário enfraquecido,

pode ocorrer:

  1. insuficiência hepática, ou seja, falência do funcionamento do fígado;
  2. cirrose;
  3. cancro do fígado;
  4. doença renal.

Hepatite C

O que é a Hepatite C?

A hepatite C é uma infeção viral que se pode tornar crónica, levando a complicações graves como cirrose ou cancro do fígado. É muitas vezes uma infeção silenciosa até que surjam danos significativos no fígado.

Como é transmitida a Hepatite C?

O vírus da Hepatite C (HCV) é transmitido através do contacto com sangue infetado. O contacto sexual é uma forma possível de infeção, embora menos comum.

Quais os sintomas e formas de tratamento da Hepatite C?

Na fase aguda da doença, somente 25 a 30% dos infetados apresentam sintomas. Quando presentes, os sintomas da Hepatite C são fadiga, náuseas, perda de apetite, dor abdominal, urina escura e icterícia. O tratamento da hepatite C inclui medicamentos antivirais que podem curar a infeção em mais de 95% dos casos. Não existe vacina.

O portador crónico do vírus da hepatite C pode mesmo não ter qualquer sintoma, sentir-se

saudável e, no entanto, estar a desenvolver uma cirrose ou um cancro hepático.

Hepatite D

O que é a Hepatite D?

A hepatite D é uma infeção do fígado que só ocorre em pessoas já infetadas pelo vírus da hepatite B. A coinfecção pode levar a uma doença hepática mais grave.

Como é transmitida a Hepatite D?

O vírus da Hepatite D (HDV) é transmitido da mesma forma que o vírus da hepatite B, através do contato com sangue infetado e outros fluidos corporais.

Quais os sintomas e formas de tratamento da Hepatite D?

Os sintomas da hepatite D são semelhantes aos da hepatite B, incluindo fadiga, náuseas, dor abdominal e icterícia. A prevenção da hepatite D implica a prevenção da hepatite B, principalmente através da vacinação contra o HBV. O tratamento inclui cuidados de suporte como restrições dietéticas, repouso e ausência de ingestão de álcool, podendo também incluir-se medicamentos antivirais.

Hepatite E

O que é a Hepatite E?

A hepatite E é uma infeção viral que, geralmente, resulta em doença aguda e autolimitada. Em alguns casos, especialmente em mulheres grávidas, a hepatite E pode ser grave.

Como é transmitida a Hepatite E?

O vírus da Hepatite E (HEV) é transmitido principalmente através da ingestão de água contaminada. É mais comum em regiões com saneamento básico inadequado.

Quais os sintomas e formas de tratamento da Hepatite E?

Os sintomas da hepatite E são semelhantes aos da hepatite A, incluindo fadiga, náuseas, dor abdominal, perda de apetite, febre leve, urina escura e icterícia. A maioria dos casos resolve-se sem necessidade de tratamento específico. A prevenção inclui o acesso a água potável e melhorias no saneamento.

Hepatite G

O que é a Hepatite G?

A hepatite G foi a última a ser descoberta. Desconhecem-se, ainda, todas as formas de contágio possíveis, mas sabe-se que a doença é transmitida, sobretudo, pelo contacto sanguíneo. A gravidade da infeção é baixa ou quase nula. Só há relatos esporádicos de infeção fulminante. Entre 90 a 100% dos infetados tornam-se crónicos mas podem nunca vir a desenvolver uma doença hepática.

Como prevenir hepatites? 7 estratégias de prevenção

A prevenção das hepatites envolve uma combinação de práticas de higiene, vacinação e comportamentos seguros. Aqui estão 5 medidas gerais para prevenir a infeção por hepatites:

  1. Lavar as mãos regularmente com água e sabão, especialmente antes de preparar alimentos e após usar a casa de banho.
  2. Consumir água potável e garantir que os alimentos sejam preparados e armazenados de forma segura.
  3. Evitar consumir alimentos crus ou mal cozinhados em áreas com saneamento inadequado, nomeadamente em viagens.
  4. Apostar na vacinação: a vacinação é crucial na prevenção das hepatites A e B.
  5. Não partilhar agulhas, escovas de dentes, lâminas de barbear ou instrumentos de manicure.
  6. Utilizar equipamentos de proteção individual ao lidar com sangue ou fluidos corporais
  7. Praticar sexo seguro, utilizando o método proteção barreira (preservativos). 

A prevenção das hepatites é fundamental para proteger a saúde individual e coletiva. Compreender os diferentes tipos de hepatite, os modos de transmissão e as melhores práticas de prevenção pode reduzir significativamente a incidência destas doenças.

Na Farmácia Varela encontra profissionais de saúde capacitados para informar sobre práticas de higiene e segurança, promovendo a saúde pública. Irá encontrar a ajuda que precisa sobre prevenção de hepatites e identificação de sinais e sintomas que possam requerer atenção médica.

Farmácia Varela, onde cuidar é diferente de tratar. 

Partilhar:

  • m5.jpg
  • m7.jpg
  • m9.jpg
  • caudalie.png
  • m16.png
  • m25.jpg
  • m26.jpg
  • m29.jpg
  • m38.jpg
  • m39.jpg
  • nuk-logo.png
  • m53.jpg
  • m59.jpg
  • m68.jpg
  • uriage-logo.png
  • m106.jpg
  • m141.jpg
  • m164.jpg
  • dr.-browns-logo.png
  • mustela-logo.png
  • m249.jpg
  • cerave-logo.png
  • uriage-bebe-logo.png
  • philips-avent-logo.png
  • m2.jpg
  • logo.png
  • minikoioi-logo.png
  • bibs-logo.jpg

Autorizada a disponibilizar Medicamentos Não Sujeitos a Receita Médica através da Internet pelo INFARMED, I.P.

Autorizada a venda à distância de medicamentos veterinários não sujeitos a receita médica veterinária, de acordo com o artigo 104º do Regulamento (UE) 2019/6, do Parlamento Europeu e do Conselho, de 11 de dezembro de 2018.

Medicamentos | Se na sua receita tiver MSRM, MNSRM ou Medicamentos Manipulados, estes só podem ser entregues nos seguintes concelhos: Azambuja, Alenquer, Vila Franca de Xira e Arruda dos Vinhos.

Livro de Elogios Livro de Reclamações